25 DE NOVEMBRO

Oficinas técnicas para gestores públicos e público especializado. Evento gratuito sujeito a limite 70 pessoas  (Equipes técnicas de Órgãos Públicos serão priorizados).

Centro de Convenções e Rooftop do Complexo Ache Cultural
Horário 8h até 18:30h

  • 8:00h – 9:00h Credencial
  • 9:00h-10:15h OFICINA INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE A PÉ
    Ministrante: Meli Malatesta
  • 10:15h – 10:45h Coffee
  • 10:45h – 13:00h OFICINA INFRAESTRUTURA E MOBILIDADE A PÉ
    Ministrante: Meli Malatesta
  • 13:00h – 14:30h Almoço
  • 14:30h – 17:00h OFICINA CAMINHABILIDADE
    Ministrante: Equipe Cidade Ativa – Gabi Callejas
  • 17:00h – 17:30h Coffee
  • 17:30h – 18:30h OFICINA CAMINHABILIDADE
    Ministrante: Equipe Cidade Ativa – Gabi Callejas

26 DE NOVEMBRO

Evento gratuito aberto ao público mediante inscrição, sujeito a limite de 300 pessoas.
Centro de Convenções e Rooftop do Complexo Ache Cultural
Horário 8h até 18:30h
  • 8:00h – 9:00h Credencial
  • 9:00h-10:00h Abertura – Cerimonial
  • 10:00h – 10:30h Coffee Break
  • 10:30h – 12:30h Painel 1 – Mobilidade a pé e saúde
    Palestrantes:

    • Thais Mauad– FMUSP (Faculdade de Medicina – USP)
    • Renato Boareto  – IEMA (Instituto Energia e Meio Ambiente)
    • Lincoln Paiva – Green Mobility / Instituto Mobilidade Verde
    • Reetta Putkonen  “City of Helsinki – City Planning Department Director”
    • Moderador: Thiago Benicchio – ITDP Brasil
  • 12:30h – 13:30h Pontapés – Apresentações formato PechaKucha
  • 13:30h –14:30h Almoço
  • 13:30h – 14:30h Mapa das referências Oficina: Irene Quintáns – Red OCARA/ CT Mobilidade a pé ANTP
  • 14:30h – 16:30h Painel 2 –  Cidades a Pé
    Palestrantes:

    • Alfonso Sanz – GEA21  – Madrid, Espanha
    • Paula Bisiau –  Diretora de Mobilidade Saudável – Secretaría de Transportes (Gobierno de la Ciudad de Buenos Aires, Argentina)
    • David Uniman – Gehl Studio San Francisco, San Francisco County Transportation Authority
    • Claudio de Senna – Vice-presidente da ANTP (Associação Nacional de Trânsito e Transporte Público), ex-secretário de Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo
    • Moderador: Mauro Calliari – Caminhadas Urbanas / CT Mobilidade a pé ANTP
  • 16:30h – 17:00h Coffee Break
  • 17:00h – 18:30h Debate 1 – Calçadas e Calçadões
    Participantes:

    • Alfonso Sanz – GEA21  – Madrid, Espanha
    • Paula Bisiau– Diretora de Mobilidade Saudável – Secretaría de Transportes (Gobierno de la Ciudad de Buenos Aires, Argentina)
    • Ariadne Giacomazzi Mattei Manzi – IPPUC– Instituto de Pesquisa Planejamento Urbano de Curitiba
    • Carlos Leite – Arquiteto sócio-diretor de Stuchi & Leite Projetos, Professor na FAU – Universidade Presbiteriana Mackenzie
    • José Eduardo de Assis Lefèvre – Arquiteto e professor da FAU/USP, ex presidente do CONPRESP e ex técnico da EMBURB
    • Moderador: Natália Garcia – Cidade Para Pessoas

27 DE NOVEMBRO

Evento gratuito aberto ao público mediante inscrição, sujeito a limite de 300 pessoas.

Centro de Convenções e Rooftop do Complexo Ache Cultural
Horário 8h até 18:30h

  • 8:00h – 9:00h Credencial
  • 9:00h-9:30h Coffee
  • 9:30h – 11:30h Painel 3  – Desenho urbano e políticas públicas para mobilidade a pé
    Palestrantes:

    • Jorge Cáñez – Laboratorio para la Ciudad (Gobierno México DF), Vision Zero México
    • Pere Navarro – ex diretor DGT – Dirección General de Tráfico (Espanha)
    • Paula Santos – WRI Brasil Cidades Sustentáveis
    • Philip Gold – iRAP – International Road Assessment Programme.
    • Moderador: Luiz Carlos Mantovani Néspoli (Branco) –  ANTP
  • 11:30h – 12:30h Pontapés – apresentações formato PechaKucha
  • 12:30h – 13:30h Almoço
  • 13:30h -14:30h Caminhada com Leticia Sabino – SampaPé! / CT Mobilidade a pé ANTP
  • 14:30h – 16:30h Painel 4 – Cidades para Todos
    Palestrantes:

    • Karen Lucas –  Leeds University (UK)
    • David Cortés – Fundación Nueva Ciudad (Colômbia)
    • Peatónito – La Liga Peatonal (México)
    • Tuca Munhoz – Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida (São Paulo)
    • Moderador: Marcos de Souza – Mobilize
  • 16:30h – 17:00h Coffee Break
  • 17:00h – 18:30h Debate 2 – Acidentes e Segurança Viária
    Palestrantes:

    • Pere Navarro – ex diretor DGT – Dirección General de Tráfico (Espanha)
    • Peatónito – La Liga Peatonal (México)
    • Tadeu Leite – Diretor de Planejamento – CE
    • Tomaz Puga Leivas –  Instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas
    • Moderadora: Maria Alice Guedes – jornalista e escritora

28 DE NOVEMBRO

EVENTO DE RUA:
Evento Gratuito com shows, oficinas e exposições.

Praça Ouvidor Pacheco e Silva
Horário 10h até 19h

 

Exposições Fotográficas:

Por Onde Andei SP

O projeto fotográfico com foco nas sutilezas pisoteadas e demais delicadezas que passam despercebidas sob nossos pés faz refletir sobre a criatividade, os obstáculos e a experiência do andar a pé nas cidades. Padronizar o piso ou não? Intervir? Sinalizar? Comunicar? Colorir? Plantar mais árvores? Estas são algumas das perguntas que Leticia Sabino, também idealizadora do SampaPé!, nos provoca a refletir ao percorrer as fotos pelo instagram @porondeandeisp.

BRINCAR DE CIDADE É COISA SÉRIA!

A red OCARA (rede latino-americana de experiências e projetos sobre cidade, arte, arquitetura, mobilidade urbana e espaço público nos quais participam crianças) traz fotos de crianças vivenciando ativamente a cidade. Em parceria com a IPA BRASIL (Associação Brasileira pelo Direto de Brincar e à Cultura), algumas fotos do Brincandando, evento que IPA realiza para a comemoração do Dia Internacional do Brincar e que é de suma importância neste momento de debate público sobre a abertura das ruas para lazer.   Ele é realizado em espaços públicos da cidade como: ruas, praças e parques e em parceria com organizações e cidadãos interessados em criar uma cultura para as atividades lúdicas e culturais, como antídoto à violência.

Links> www.redocara.com e www.ipabrasil.org

relatos de cidade

RELATOS DE CIDADE

Partimos de uma pergunta: como a forma que nos deslocamos influencia a nossa relação e conexão com a cidade? Para nos aproximar deste tema partindo de outros pontos de vista: convidamos 10 pessoas/coletivos para emprestar seus olhares e suas histórias durante os deslocamentos por São Paulo. Entregamos para cada uma delas uma máquina analógica para que tirassem fotos. A ideia de recuperar a máquina analógica surgiu por conta da experiência que ela proporciona: é preciso lidar com a surpresa da revelação que, por sua vez, acaba fazendo com que você preste mais atenção no instante, nos lugares, nas escolhas.

11h as 17h

Oficinas Criativas
Diversas atividades lúdicas para dar vida ao nosso espaço público

10h – 12h

Corrida Amiga
A corridaamiga quer compartilhar a emoção de usar a corrida como mobilidade urbana! É divertido, prazeroso, saudável, ecológico e, porque não, incrivelmente conveniente, Participe! 

13h

Show Poema Novo:
O Grupo Poema Novo formou-se no início de 2008. Seus integrantes, que já trabalhavam com música individualmente, decidiram se juntar apartir de um convite do Sarau Lítero Musical Chama Poética para uma apresentação Temática onde o mote seria o lançamento do livro do Poeta Thiago de Mello, Amazônia Pátria das Águas.
O Poema Novo destaca-se por utilizar em suas apresentações recursos oriundos da integração artística das expressões teatrais, musicais e visuais, além de mostrar no palco uma pesquisa de repertório dedicada à música popular brasileira, world music , música latina e composições próprias. 

15h30h

teko

Show Teko Porã
Com influências da música cigana, do folk e ritmos nacionais, o quarteto Teko Porã (cujo significado é ‘boa maneira de ser e viver’) o desenvolve um trabalho autoral em espaços públicos de São Paulo e outras cidades. Seus integrantes também fazem parte do ‘Coletivo Caravana’, movimento de bandas de rua da Capital.

18h

Show Mustache & Os Apaches
A banda Mustache & Os Apaches reúne cinco músicos inspirados pelas jug bands norte americanas. Eles iniciaram seu projeto apresentando-se nas ruas de São Paulo e logo se destacaram por serem capazes de transformar qualquer lugar da cidade em um espaço para shows. Hoje, com instrumentos elétricos, o Mustache & Os Apaches deixaram as ruas da capital paulista para tocar em teatros e festivais por todo o Brasil.